Vereador acusa presidência de atropelar regimento e impedir apresentação de emenda no projeto de redução dos salários

Postado em 28/04/2020 10:59

A discussão em torno do projeto de redução dos salários dos vereadores continua dando repercussão. O vereador Matheus Costa reforçou seu posicionamento no programa Bom Dia Divinópolis desta terça-feira, 28. De acordo com o parlamentar ele não concorda com o corte de 25% do salário, ele afirmou que sempre fez a defesa de uma correção maior.

Durante a entrevista o vereador enfatizou que desde o inicio do mandato fez a defesa da redução dos salários. O projeto da mesa diretora estipulava apenas um salário mínimo para a próxima legislatura, porém uma emenda modificativa da vereadora Janete Aparecida alterou a origem da proposta e estipulou um corte de apenas 25%.

Ele disse que houve uma reunião dos vereadores para chegar em um consenso. Apesar de ter participado o parlamentar enfatizou que não concordou com a proposta. Matheus ainda afirmou que tentou apresentar uma emenda pedindo uma redução de 50% para a reunião extraordinária de segunda, 27, porém acusou a mesa diretora de burlar o regimento para impedir a leitura e discussão da proposta.

O projeto que estipula a redução de 25% altera o salário de 12 para aproximadamente 9 mil reais. A medida será aplicada a partir do ano de 2021. O projeto foi aprovado pela maioria do plenário. A proposta teve 13 votos favoráveis e apenas 3 contrários. Apenas três vereadores não aceitaram a mudança do projeto original, Matheus Costa, Delano Santiago e Carlos Magalhães.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
error: Este conteúdo é protegido!