Projeto que exigia curso superior de secretários municipais é rejeitado pelo plenário

Postado em 16/10/2019 10:04

Foi votado e reprovado pelo plenário da Câmara o projeto do vereador Sargento Elton (PATRI) que exigia curso superior dos secretários municipais. A proposta recebeu 9 votos contrários e apenas 5 votos favoráveis. A presidência da Câmara disse que a medida possuía vícios de inconstitucionalidade e pediu os vereadores para votarem contra. O autor da proposta discorda do posicionamento da Câmara.

Segundo o vereador Sargento Elton (PATRI) a medida definia requisitos para nomeação de secretários municipais em Divinópolis. Ele enfatizou que o projeto de Lei tinha o objetivo de moralizar o serviço público exigindo que o nomeado para a função de Secretário tenha curso superior na área em que vai atuar e possuir ficha limpa. Apesar da defesa a proposta foi derrubada pelo plenário.

Outro citado pelo vereador durante uma entrevista a Rádio Minas FM é a campanha que o parlamentar pretende desenvolver na cidade. O trabalho visa orientar a população sobre as tarifas sociais da COPASA e da CEMIG. De acordo com o parlamentar muitas pessoas podem ter deixado de receber o benéfico por falta de informação.

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com