Projeto de anistia gera polêmica na Câmara, mas é aprovado pelos vereadores

Postado em 16/05/2019 18:23

Os vereadores aprovaram nesta tarde, 16 na reunião ordinária da Câmara o projeto de anistia proposto pela prefeitura. Depois de muita discussão e embates no plenário a proposta entrou em votação e pela maioria dos votos foi autorizada pelo Legislativo. Desta forma a prefeitura já pode realizar o programa.

O projeto do município perdoa juros e multas de contribuintes em débito com a cidade. A ideia é incentivar os contribuintes a pagarem as dividas. A primeira discussão foi em torno da inclusão do projeto na pauta do dia. O vereador Edson Souza (MDB) chegou a solicitar que a proposta fosse votada só na semana que vem, mas o restante dos parlamentares não acataram e aprovaram a inclusão.

Insatisfeito com a posição do plenário o vereador Edson chegou a pedir vista 7 dias e a retirada da emenda que o mesmo havia apresentado, mas mesmo assim ela foi para votação e foi aceita pelo parlamento. Foram 13 votos sim e apenas um não o próprio vereador autor da emenda.

Além da emenda o projeto de anistia do executivo também foi aprovado por 12 votos favoráveis. Desta forma ele será executado com a proposta do vereador Edson que altera o prazo limite para contratação do beneficio que antes era 30 de agosto. Com a mudança a anistia poderá ser feita pelo contribuinte até o final do mês de novembro. A administração esperar arrecadar cerca de 3 milhões de reais com o projeto.

Em entrevista a Minas FM o líder do governo explicou o projeto:

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com