fbpx
Pular para o conteúdo

Hérnia de disco foi a principal causa de afastamento do trabalho em 2023

A hérnia de disco foi a principal causa de afastamento do trabalho em 2023. Segundo dados do ministério da previdência social mais de 2,5 milhões de brasileiros conseguiram o benefício de incapacidade temporária no ano passado.
Foto: Tv Candidés

A hérnia de disco foi a principal causa de afastamento do trabalho em 2023. Segundo dados do ministério da previdência social, mais de 2,5 milhões de brasileiros conseguiram o benefício de incapacidade temporária no ano passado.

Foi um trauma enquanto jogava futebol que levou o Nilmar Eustáquio a sofrer com a hérnia de disco. Quase 20 anos depois da cirurgia ele se sente recuperado e fala do processo com conhecimento de causa.

A coluna vertebral é composta por vértebras e entre elas estão os discos constituídas por tecido cartilaginoso e elástico. Com o tempo, esses discos vão se desgastando e isso facilita a formação de hérnias que comprimem as raízes nervosas que emergem da coluna. Além dos traumas, os principais fatores de risco que estão relacionados ao surgimento da hérnia de disco é obesidade, sedentarismo e hereditariedade. A carga excessiva de peso na academia e a má postura, sobretudo na frente do computador.

A tecnologia é uma das aliadas no tratamento contra a hérnia de disco. O scanner, por exemplo, acelera a localização e o diagnóstico do problema. Na maior parte das vezes, a hérnia de disco não pede intervenção cirúrgica. Mas evitar a automedicação e procurar o especialista é fundamental.

A hérnia de disco foi a principal causa de afastamento do trabalho em 2023. Segundo dados do ministério da previdência social mais de 2,5 milhões de brasileiros conseguiram o benefício de incapacidade temporária no ano passado.
Foto: Tv Candidés