Execução de animais presos na lama em Brumadinho gera revolta nas redes sociais.

Postado em 03/02/2019 8:00

A apresentadora Luisa Mell publicou um desabafo na rede social nesta semana mostrando revoltada com a execução de animais na região de Brumadinho, em Minas Gerais, após o rompimento de uma barragem na cidade.

Segundo a postagem da apresentadora um helicóptero que sobrevoava o local tinha a missão de executar, com tiros, animais ilhados, presos na lama ou feridos. Um agente da Polícia Rodoviária Federal, armado com fuzil disparava contra eles na área do Córrego do Feijão.

“Eles não queriam salvar os animais, queriam assassinar os animais, que é o que estão fazendo atirando do helicóptero. A hora que escutei a história falei ‘não é possível uma coisa dessas!’. É verdade. Olha que lixo. Olha que barbaridade. Olha que atrocidade”, lamentou Luisa em seu Instagram. O deputado Noraldino Junior também fez um manifesto em protesto à atitude das autoridades em Brumadinho. Ele questiona a conduta realizada no sacrifício dos animais.

Em nota, a Polícia Rodoviária Federal informou que o procedimento de sacrifício dos animais foi realizado com o atendimento de todos os protocolos de segurança, “a pedido e sob a coordenação de uma veterinária, integrante do Conselho de Veterinária de Minas Gerais e supervisionado pelo comando das operações de resgate”.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com