Publicidade

Cão morto a pauladas: Ativistas da causa animal protestam na porta da delegacia

Postado em 21/01/2019 19:36

Pessoas ligadas às entidades de proteção animal pintaram o rosto de preto e levaram cartazes pedindo justiça sobre o caso do cãozinho espancado até a morte.

O caso foi em setembro, mas só no fim de semana as imagens foram divulgadas. Embaçamos, pois as imagens são fortes. O homem amarra o cachorro na árvore e agride com um pedaço de pau. O cão ainda é jogado no rio e atingido, mais uma vez, com uma paulada. Depois é levado pela correnteza, aparentemente morto.

O autor da agressão é Carlos Adriano, de 26 anos. Ele foi prestar depoimento à polícia nesta segunda-feira (21), mas não foi visto pela imprensa nem por populares.

Em um vídeo postado por Carlos Adriano nas redes sociais, ele da sua versão sobre o ocorrido.

Ainda conforme a Polícia Civil, o suspeito já possuía outros registros criminais. De acordo com o delegado, Carlos pode responder por maus-tratos com o agravante da morte.

Na porta da delegacia, muita gente veio registrar a indignação com tamanha brutalidade.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!