Agentes vistoriam Parque da Ilha e encontram carrapatos em ação preventiva

Postado em 11/04/2019 18:12

Agentes da vigilância em saúde iniciaram hoje, uma vistoria no Parque da Ilha. No passado, depois de casos confirmados no município, optou-se por interditar o local. O trabalho tem como objetivo principal mapear os locais onde há maior presença do carrapato estrela, transmissor da febre maculosa.

A vistoria foi realizada na manhã desta quinta-feira, no Parque da Ilha. No ano passado, o parque ficou interditado por cinco meses, de agosto a janeiro, devido a casos de febre maculosa confirmados no município. O trabalho das agentes da vigilância consiste em passar esse pano branco sobre a vegetação.

Durante a varredura, em uma hora e meia de trabalho, os agentes encontraram nove carrapatos estrela, o principal transmissor da doença. Os carrapatos recolhidos aqui vão para análise, pra saber se o inseto está contaminado com a bactéria transmissora da doença.

Mesmo sabendo dos carrapatos, o seu lázaro faz questão de utilizar a academia ao ar livre situada na praça. Uma placa alertando sobre os riscos do carrapato será instalada no parque. Por telefone, o secretário de saúde de Divinópolis comentou as ações preventivas.

O período de maior incidência do carrapato estrela é durante os meses de inverno, quando o tempo está mais seco. E as recomendações pra quem circula em áreas de mata são as mesmas.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com