Publicidade

Agências de Turismo entregam documento ao município pedindo apoio na revisão do Minas Consciente

Postado em 13/08/2020 10:18

A adesão ao Minas Consciente ainda gera repercussão na cidade. Os setores impossibilitados de abrir as portas na Onda Amarela tem se mobilizado na tentativa de sensibilizar o governo. Um dos pedidos é a oportunidade de revisão de ondas em um período mais curto. Hoje o protocolo estabelece um prazo de 28 dias para fazer uma nova análise.

Nesta semana cerca de 200 pessoas, entre donos e representantes de academias fizeram um protesto. Agora são os proprietários das agências de turismo que vão protestar. Aproximadamente 20 empresários se uniram para fazer o ato. O grupo vai entregar nesta quinta-feira, 13 um documento a prefeitura pedindo apoio.

Na Onda Verde estes estabelecimentos podem funcionar. A expectativa é de que o estado possa ser sensível ao pedido de Divinópolis. A cidade tem hoje índices compatíveis com Onda que permite as flexibilizações, mas o governo não autorizou nenhuma cidade começar o plano na última onda.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!