Acusado de participar da morte de Jadir Guilhermino é absolvido pela justiça

Postado em 04/12/2018 15:32

Depois de 16 anos o acusado de ter participado do crime do radialista Jadir Guilhermino foi julgado. O réu foi submentido ao júri popular na sede do Fórum em Divinópolis. De acordo com o Ministério Publico o primeiro julgamento do caso ocorreu em 2003, na época o réu Wellington Carlos Gomes conhecido com ferrugem confessou o crime e cumpriu pena pelos crimes de homicídio e ocultação de cadáver.

No julgamento de hoje, 04 a defesa manteve a tese de que réu é inocente e mantinha um bom relacionamento com a vitima, atribuindo o crime ao ferrugem condenado em 2003 após confessar o assassinato. A tese da defesa foi sustentada pela promotoria. O MP afirmou falta de provas que mostram o envolvimento do acusado no crime. No final da manhã a decisão foi promulgada pelo juiz. E o réu foi absolvido das acusações.

Jadir Guilhermino era radialista do meio policial e filho da dona Iracy Adão. Ele foi encontrado morto dias após o crime. Desde então a família pedia justiça. Hoje alguns amigos e parentes da vitima acompanharam o julgamento.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics