Finalistas Rainha e Princesa da DivinaExpô 2022 – Geicimara Kellen - Portal MPA

Publicidade

Geicimara Kellen

Conte um pouco sobre você:

Tenho 23 anos, sou modelo comercial da 40 graus models e estudante de Direito da Universidade Federal de Lavras – UFLA. Sou oriunda de uma família de cultura sertaneja, que foi criada na roça. Por isso acho importante a preservação dos costumes sertanejos, que marcam tanto a identidade dos mineiros. Sempre fui amante dos concursos de beleza, gosto de me expressar e falar em público. Além da faculdade e da minha carreira como modelo eu aspiro carreira artística, pois eu sempre gostei de trabalhar com o público. Sem deixar de lado a função social que acredito que todos nós como cidadãos devemos cumprir.

Por que você quer ser rainha ou princesa da DivinaExpo?

Eu pretendo ser rainha da DivinaExpo para ajudar a abrilhantar ainda mais essa que é a maior exposição de Minas Gerais e uma das maiores do Brasil. Quero fazer parte dessa festa de mais de 50 anos, para ajudar a preservar a memória e o legado dessa exposição que se tornou um verdadeiro patrimônio histórico. Pretendo honrar o título, caso eu vença, e levar o nome da DivinaExpo, para além dos limites territoriais de Divinópolis. Quero cumprir com minha função social de ser porta voz da maior festa sertaneja de Minas Gerais e honrar o peso da faixa e da coroa, que poucas têm o privilégio de carregar.

O que você gosta de fazer nas horas vagas?

Nas horas vagas eu gosto de me exercitar, porque além da estética, movimentar o corpo faz bem para a mente. Gosto também de estar com as pessoas que amo, principalmente ao lado da minha família. Mas também gosto curtir baladas ao lado dos meus amigos e valorizo uma boa conversa. Além disso, gosto de cuidar de mim mesma, do meu corpo e do meu espírito. Curto ir para lugares sossegados, como uma roça e descansar a cabeça do barulho da cidade.

Qual a sua comida preferida?

Feijão tropeiro

Qual a memória mais marcante que você tem de outras edições da DivinaExpo?

Uma das coisas mais marcantes da DivinaExpo para mim é o canhão de luz no céu anunciando que vai começar a grande festa. Mas das edições anteriores o que mais me marcou foi o show da eterna rainha da sofrência com um dos maiores públicos que a DivinaExpo já teve. A energia dela e a sintonia com o público que cantava as músicas do início ao fim, é algo que ficará para sempre marcado na memória dos divinopolitanos. E a primeira vez do DJ Alok na DivinaExpo em 2018, também com record de público. Provando que a cultura sertaneja também dialoga com outro ritmos, que a paixão pelo rodeio rompe barreiras.

Instagram:

@geicimarakelen