Prédios que resistiram a bomba atômica podem ser demolidos

Postado em 17/12/2019 7:30

BBC NEWS BRASIL

Apesar de terem resistido à bomba atômica alguns prédios podem estar com os dias contados. A cidade japonesa de Hiroshima apresentou o planejamento de demolição de dois imóveis que resistiram à explosão da bomba atômica de 1945. Porém os moradores ainda tentam preservá-los como marcos históricos.

Os dois complexos, construídos em 1913, foram usados primeiro como fábrica de uniformes militares e, depois, como acomodação de estudantes universitários. Eles também foram usados como hospital de emergência após a bomba atômica atingir a cidade.

Já a proposta dos moradores é bem diferente. Eles querem que os prédios sejam transformados em memoriais voltados à promoção da abolição de armas nucleares. No ataque de 1945 cerca de 80 mil morreram e outras 35 mil ficaram feridas.

Segundo o governo desde 2017 as autoridades diagnosticaram que esses prédios, que hoje são de propriedade pública, podem cair sou sofrer danos caso aconteça um forte terremoto. Como os prédios não estão sendo usados e nem estão abertos ao público, o governo decidiu que eles devem ser demolidos até 2022.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!