Publicidade

Pescador fisga pedra de vômito de baleia e pretende vender por 1 milhão

Postado em 26/10/2020 7:30

Foto: Reprodução/The Liberty Times

Um pescador da Ilha das Orquídeas, em Taiwan, trouxe à superfície um pedaço de “vômito de baleia” no valor de US$ 200 mil o equivalente a R$ 1,1 milhão. Segundo o jornal Liberty Times, o homem, identificado apenas pelo sobrenome Li, fez a descoberta em março, em uma praia próxima da vila onde vive.

Intrigado com a pedra de 4 kg de cheiro adocicado, Li enviou amostras do achado para a Universidade Nacional de Kaohsiung, onde foram analisadas pelo professor de ciências biológicas Cheng Shi-Yie.

Os testes confirmaram a suspeita do pescador: o objeto misterioso é o valiosíssimo âmbar cinza, também conhecido como “vômito de baleia” ou “ouro flutuante”. A substância sólida, formada no intestino das cachalotes, é usada principalmente como fixador na produção de perfumes.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!