Publicidade

Mulher larga tudo para viver como na idade da pedra

Postado em 21/06/2020 7:40

Foto: Reprodução/Ruth Fremson

Antes de usar o nome Lynx Vilden, ela cresceu em Londres e sentiu o peso da cidade. As férias que ela tirou na juventude abriram os olhos para tudo o que a Mãe Terra tinha a oferecer. Lynx descobriu o prazer de “viver como as pessoas selvagens” em uma viagem aos Estados Unidos, que fez aos 21 anos. Sua primeira parada foi em Wenatchee, Washington. Lá, ela entendeu o que era o deserto.

Ela ficou tão inspirada por essa experiência que escolheu Lynx como primeiro nome e Vilden como último. “Vilden” é uma palavra sueca para “selvagem”. Logo, sua vida mudaria. Ela se comprometeu totalmente com a existência pré-histórica, semelhante a uma mulher das cavernas, livrando-se de um cartão de crédito ou de qualquer endereço real. Morou em vários lugares: abrigo de neve nos Lapões, dormitórios no Novo México e uma tenda no Arizona.

Publicidade
Veja também
Publicidade
Noticias relevantes:
Publicidade
Publicidade
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!