‘Lua de gelo’ que gira em rio intriga moradores em cidade dos EUA

Postado em 16/01/2019 11:05

Vista aérea do fenômeno nos EUA
Vista aérea do fenômeno nos EUA Foto: Divulgação/City of Westbrook

Um disco congelado de cerca de 90 metros de diâmetro formado no meio do Rio Presumpscot, em Westbrook (Maine, EUA), está intrigando muitos dos 17 mil moradores da pequena cidade.

O disco, que está sendo chamado de “Lua de gelo”, está girando lentamente.

Disco de gelo intriga moradores de pequena cidade dos EUA
Disco de gelo intriga moradores de pequena cidade dos EUA Foto: Reprodução/YouTube

Para alguns moradores, trata-se de um fenômeno alienígena. Outros destacam que a região em sido cenário de vários eventos “estranhos” e “misteriosos” desde que uma gigantesca cobra foi vista no local comendo um castor em junho de 2016.

Alguns chegam a dizer que uma criatura mitológica vive no Rio. Eles a chamam de Wessie, em referência a Nessie (como o monstro do Lago Ness, na Escócia, é conhecido).

“Parece aqueles círculos que aparecem em plantações. É muito estranho”, disse Doug Bertlesman, que trabalha em um prédio com visão privilegiada do disco de gelo.

Imagens da “Lua de gelo” postadas na conta da prefeitura no Facebook viralizaram, provocando o surgimento de várias teorias para explicar a inusitada ocorrência.

'Lua de gelo' com 90 metros de diâmetro
‘Lua de gelo’ com 90 metros de diâmetro Foto: Reprodução/Facebook

“É o campo de aterrissagem de alienígenas”, escreveu o internauta Larry Liston.

“Parece uma foto tirada do espaço”, afirmou Tiffany Nelson na rede social.

Mas não há nada alienígena e sobrenatural no fenômeno, que cientistas garantem ser natural e conhecido como disco de gelo, que é raro e intriga cientistas desde o século XIX. O movimento é provocado pela corrente e pelos redemoinhos do rio, além do atrito entre a camada de gelo e o espelho d’água.

“Como a água no redemoinho está fluindo mais lentamente que a corrente principal, é mais provável que ela congele, criando o disco gelado”, disse ao “Boston Globe” o físico John Huth, da Universidade de Harvard. “O disco gelado retém a rotação do redemoinho, já que ele fica preso nele”, acrescentou.

Este seria o maior disco de gelo já registrado.

Assista à ‘Lua de gelo’ girando:

 
 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!