Irmãs tem o tipo sanguíneo mais raro do mundo e uma delas mora em Minas

Postado em 12/02/2019 10:49

Irmãs tem o tipo sanguíneo mais raro do mundo e uma delas mora em Minas

.

As irmãs brasileiras tem o tipo sanguíneo mais raro do mundo. O fato foi confirmado pelo Cadastro Nacional de Sangue Raro (CNSR), do Ministério da Saúde. As doadoras são monitoradas de perto pelo órgão que centraliza as informações de doadores raros registrados nos hemocentros públicos do país.

O tipo sanguíneo mais raro do mundo, o Rh nulo ainda é pouco conhecido da maioria das pessoas. Foi detectado pela primeira vez em 1961, em uma mulher australiana. Até hoje, no mundo inteiro, só foram cadastrados 43 portadores desse tipo sanguíneo. Nesse grupo, há duas brasileiras que são irmãs. Uma mora no Rio de Janeiro e a outra, em Juiz de Fora, Minas Gerais.

Por ser extremamente difícil de achar, o Rh nulo é apelidado de “sangue dourado”. É hereditário e serve de doador para todos os outros, desde que seja respeitada a compatibilidade do sistema ABO. O Rh entra como um complemento nessa combinação e costuma ser positivo ou negativo. No caso das irmãs brasileiras, ele é nulo.

 

Fonte: Metropoles

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics