Governo autoriza lei que estabelece a castração química para pedófilos

Postado em 12/06/2019 7:30

Kay Ivey, governadora do estado do Alabama, nos Estados Unidos, assinou uma nova lei que estabelece que os abusadores de menores de 13 anos já condenados só poderão ter direito à liberdade vigiada se forem submetidos a um processo de castração química.

Sob esta nova lei, os criminosos que aceitarem se submeter a este processo deverão começar o tratamento pelo menos um mês antes de ganhar a liberdade e deverão seguir com o procedimento até que um juiz determine que já não é mais necessário.

A castração química, que é realizada em países como Alemanha, Itália, Chile, Colômbia, El Salvador e República Dominicana, consiste na aplicação de injeções a cada seis meses que diminuem a produção de testosterona e inibem o apetite sexual.

Uma dezena de estados nos EUA contempla a castração química para pedófilos e outros condenados por crimes sexuais. A Califórnia foi o primeiro estado a aprovar em 1996 a castração química para pedófilos condenados por crimes sexuais contra crianças de 13 anos ou menores, como estupro ou sodomia. Os estados da Flórida, Geórgia, Iowa, Louisiana, Montana, Oregon, Texas e Wisconsin também têm medidas similares.

 

Fonte: R7

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com