Publicidade

Dono de lava jato suspeito de filmar funcionárias no banheiro é preso em BH

Postado em 09/03/2021 15:33

Este slideshow necessita de JavaScript.

O dono de um lava jato no bairro Buritis, em Belo Horizonte (MG), um homem de 53 anos foi preso ontem, no Dia Internacional da Mulher, suspeito de instalar câmeras no banheiro feminino do local para filmar as funcionárias. Uma das câmeras foi encontrada ao lado do vaso sanitário pela perícia da Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG).

Ainda de acordo com a vítima que descobriu a câmera, ela já desconfiava que filmagens eram feitas no local, pois o proprietário havia dito que sabia quando as funcionárias estavam menstruadas, se estavam usando calcinha fio-dental e qual era a cor da peça íntima. Além disso, ele teria chamado as mulheres de “gostosa” em várias ocasiões.

A perícia da Polícia Civil esteve no local e encontrou três câmeras: além das que estavam no teto e ao lado do vaso sanitário, outra estava posicionada atrás da porta de entrada do banheiro.

Advertisement

fonte: PC 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!