Deputado eleito, Alexandre Frota deve R$ 60 mil de pensão e pode ser preso

Postado em 09/10/2018 15:03

Deputado eleito, Alexandre Frota deve R$ 60 mil de pensão e pode ser preso

Eleito deputado federal pro São Paulo no pleito do último domingo (7), Alexandre Frota (PSL) teve de lidar com problemas com seu filho Mayã, de 18 anos, que vive na Bélgica. Foi do garoto que partiram ferrenhas críticas ao comportamento do pai, ex-ator da Globo e também ex-ator pornô.

Mas os problemas entre pai e filho não se atém apenas às redes sociais. Há um processo de pensão movido por Mayã que, na última semana, sofreu mais uma alteração, de acordo com o diário Extra.

Na movimentação em questão, a Justiça pediu a soma da dívida de Frota com seu filho, de cerca de R$ 60 mil. Até a meia-noite desta terça, 9, o deputado eleito não pode ser preso por conta de lei que entra em vigência alguns dias antes do pleito, na qual as pessoas só podem ser presas em flagrante.

O processo começou com valor de R$ 9.176,24, mas foi acrescido de juros e correção pela inadimplência, chegando aos R$ 60 mil. Por ainda não ter sido diplomado e, portanto, tomado posse do cargo para o qual foi eleito, ele não tem direito ao foro privilegiado.

Há alguns anos, Frota declarou em entrevista à Revista Quem que Mayã havia sido “fruto de uma transa”. O deputado eleito citou o fato novamente em suas redes sociais, na última segunda (8), ao comentar as acusações do filho.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics