Divinaexpo confirma novidades e apresenta reforços para organização em 2017

Postado em 23/05/2017 15:01

Divinaexpo confirma novidades e apresenta reforços para organização em 2017

Divinaexpo confirma novidades e apresenta reforços para organização em 2017

Foto: Matheus Tavares/SMPA

A organização da Divinaexpo realizou na manhã desta terça-feira (23), uma coletiva de imprensa com as forças de segurança de Divinópolis para falar de todo o sistema de organização do evento, que começa neste sábado (27), com o Prato Rural. Participaram da coletiva os representantes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Secretarias de Trânsito e Transportes (Settrans) e Planejamento Urbano e Meio Ambiente.

A organização da festa, por meio do Sindicato Rural de Divinópolis também confirmou novidades na estrutura e nas competições. De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Divinópolis, Irajá Nogueira. “A Divinaexpo esse ano está com uma nova equipe de segurança contratada, nova dinâmica interna do evento, praça de alimentação no sistema de cobertura de galpão, arquibancada coberta. Uma reunião com as forças de segurança para traçar estratégias para que o público possa acessar mais rapidamente o Parque de Exposições, com mais segurança, melhor orientação e melhor dinâmica do evento”, disse.

Além das mudanças na estrutura, Irajá garantiu que as atrações do evento podem ajudar no sucesso da Divinaexpo em 2017. “A grade de shows agradou muito, é muito importante e a gente não pode errar. Rodeio com grandes nomes no rodeio de touro, etapa da PBR, de cavalos também, o campeão se classificando para Barretos. Grandes locutores, a volta do Gleydson Rodrigues, Rafael Vilella. Acredito que vá ser um evento muito bem aceito pela população de Divinópolis e região”, completou.

Ouça a entrevista do presidente do Sindicato Rural de Divinópolis, Irajá Nogueira

 

Além dos shows, as provas de rodeio também ganharam novidades. Além do aumento da premiação, que em 2017 deve ficar em torno de R$250 mil, está confirmado o retorno das provas funcionais, como o laço em dupla. O diretor de rodeio, Pablo Ribeiro citou as condições dadas aos atletas, já que muitos são considerados ídolos do esporte, considerado o “terceiro esporte” de países como os Estados Unidos. “Esse ano vamos voltar com as provas funcionais completas, de novo. Ficamos o ano passado sem ter o laço em dupla. Vamos fazer o laço em dupla no Rancho Fênix, as eliminatórias e a noite o pessoal corre aqui no Parque. A premiação subimos ela (em torno de R$250 mil). Ressaltar, sempre pego na máxima que o pessoal de que o peão ainda pega na enxada. Pessoal fica em hotel, damos alimentação, transporte e o vestiário. Esse pessoal tem que ser bem tratado, o tratamento é igual para todos, não podia ser diferente com os competidores”, informou.

Ouça a entrevista do diretor de rodeio Pablo Ribeiro

Segurança e trânsito

Ainda durante a coletiva, o Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Settrans e Secretaria Municipal de Planejamento Urbano falaram da organização do trânsito e garantias de segurança dentro e fora do Parque de Exposições. O comandante do 10º Batalhão do Corpo de Bombeiros em Divinópolis, Tenente Coronel Manoel dos Reis Morais informou que os Projetos de Prevenção Contra Incêndio e Pânico estão sendo analisados. O primeiro, do Prato Rural deve ser liberado nesta quarta-feira (24), enquanto o referente ao evento principal da Divinaexpo deve ser liberado no início da próxima semana. “Fizemos várias reuniões, nosso setor de prevenção com os organizadores do evento. Fizemos análise do Projeto de Prevenção Contra Incêndio e Pânico referente ao evento do Prato Rural. Esse projeto já foi aprovado e amanhã (quarta-feira 24) a tarde está prevista uma vistoria para a gente certificar que todo o sistema de prevenção esteja devidamente instalado, para que possa ser emitido o laudo de vistoria do Corpo de Bombeiros. Referente ao evento principal, do dia 31 de maio a 4 de junho, o projeto já passou por uma primeira análise, detectado algumas irregularidades e retornou ao engenheiro responsável para correções. Acredito que até sexta-feira (26), esse projeto esteja retornando para que a gente possa fazer uma análise final, aprovando e marcar a vistoria na semana que vem”, declarou.

Ouça a entrevista do comandante do 10º Batalhão do Corpo de Bombeiros em Divinópolis, Tenente Coronel Manoel dos Reis Morais

 

A Polícia Militar garantiu que vai se esforçar para garantir a segurança de todos durante a Divinaexpo, seja daquelas pessoas que estarão no Parque de Exposições ou quem não acompanhará o evento. A tecnologia voltará a ser aliada neste ano, com a plataforma de observação elevada e 18 câmeras de monitoramento. No entanto, segundo o Tenente Coronel Marcelo Augusto, comandante do 23º Batalhão, a principal preocupação é com a parte externa do Parque. “Aqui no Parque de Exposições, estamos com policiamento especializado na parte interno. A tropa especializada, de fora, presença da Cavalaria. Estamos com uma plataforma de observação elevada que vai monitorar todo o interior do Parque de Exposições, além de 18 câmeras que estão sendo instaladas, fixas e vai auxiliar na segurança. Na verdade, a nossa preocupação maior é externa. Aqui é um evento controlado, controle na entrada, busca pessoal. Estamos dando foco principalmente para o externo do Parque de Exposições, para a chegada, as principais vias de acesso”, contou.

O comandante do batalhão da PM também afirmou que a cidade continuará com operações durante a Divinaexpo. “O restante da cidade, vamos permanecer com o mesmo esquema de policiamento, com operações. Não estamos lançando mão do nosso plantão de operações, justamente para manter a mesma segurança em pontos estratégicos da cidade. Dar segurança a toda a comunidade, principalmente aquelas pessoas que não vão ter acesso ao Parque de Exposições. Todo o policiamento que está sendo implantado no Parque de Exposições é policiamento em reforço. Nos demais pontos estamos mantendo o mesmo esquema de policiamento, com as mesmas operações e intensificando no período da Divinaexpo. Toda a tropa está dobrando em serviço para dar uma sensação maior de segurança neste período”, relatou.

Ouça a entrevista do comandante do 23º Batalhão da Polícia Militar em Divinópolis, Tenente Coronel Marcelo Augusto

 

O público também terá orientações quanto aos acessos ao Parque de Exposições. Durante a coletiva, o secretário municipal de trânsito, Tenente Waldo Martinho destacou que as ruas paralelas a Avenida Paraná estão em boas condições e são opções de acesso ao Parque, com a abertura dos portões laterais. Na Avenida Paraná, a estrutura do trânsito será alterada. “Da UEMG até aqui no portão será mão única até no trevo. Quem for para a exposição pode entrar pela Rua Guapé que vai chegar num portão de acesso ao estacionamento. Vai ter a presença dos agentes, faixas diferentes, vamos colocar faixas das entradas, explicando por onde pode ir, não pode. Se (a pessoa) seguir o que estará escrito, vai fluir bem o trânsito”, alertou.

Ouça a entrevista do comandante do secretário municipal de trânsito de Divinópolis, Tenente Waldo Martinho

 

Trabalho social – Queima do Alho e Desafio do Bem

O lado social do evento também foi discutido. Membro da diretoria do Instituto Helena Antipoff, José Gabriel Neto ressaltou o trabalho feito nesses eventos, que ajudarão causas nobres, como a do jovem Vinicius. “É um trabalho feito há anos, pelo Sindicato Rural. A queima do alho é um evento instituído para ajudar as instituições de Divinópolis. É um trabalho muito importante do Sindicato Rural que é ajudar as instituições que precisam muito, contam muito com essa ajuda. É um trabalho muito valioso, são todos voluntários nas instituições e ajuda muito. Para nós, é muito importante fazer esse trabalho. O desafio do bem será no domingo, o touro contra o peão. A receita será para ajudar um garoto que precisa de tratamento (Vinícius, que precisa de um transplante de intestino) e o Hospital São João de Deus. Na queima do alho são quatro instituições”, completou.

Ouça a entrevista do diretor José Gabriel Neto

 

Um dos principais incentivadores da queima do alho, o vice-presidente do Sindicato Rural de Divinópolis, Juarez Branquinho comentou sobre as atrações do evento, que será realizado no sábado (3).“A queima do alho vai ser um evento diferenciado, concurso de berrante muito esperado. Estão vindo berranteiros de todo o Brasil, Mato Grosso do Sul, Paraná, São Paulo. E é um evento filantrópico, fazemos doações para as instituições”.

Ouça a entrevista do vice-presidente do Sindicato Rural de Divinópolis, Juarez Branquinho

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics