Divinópolis sediou a cerimônia de abertura do Movimento Maio Amarelo - Portal MPA

Publicidade

Divinópolis sediou a cerimônia de abertura do Movimento Maio Amarelo

Postado em 29/04/2022 16:48
Publicidade

Foi realizada na manhã de hoje (29) a cerimônia de abertura do movimento “Maio Amarelo”. A campanha deste ano tem o tema: “Juntos salvamos vidas”. Esta é a primeira vez que Divinópolis é convidada a realizar esta solenidade diante de seu destaque estadual em ações para a educação no trânsito. O evento aconteceu no auditório da Faculdade Pitágoras e contou com a presença de autoridades de Divinópolis e região.

O secretário Nacional de Trânsito, Frederico de Moura Carneiro, participou da abertura do evento de forma remota e destacou o tema e as ações da campanha Maio Amarelo 2022. “A Secretaria Nacional abraça esse movimento, que vem a somar às ações em prol da segurança do trânsito. ‘Juntos salvamos vidas’ é o tema da campanha de 2022 e a união de todos os esforços juntos hoje em Divinópolis, certamente ajudará a salvar muitas vidas em toda a região. Em todo o país acontecerão muitas noites, palestras e seminários sobre a segurança no trânsito sempre alinhadas a participação de importantes agentes do trânsito como caminhoneiros, motoristas, ciclistas e vários outros”, destacou.

O presidente do Observatório Nacional de Segurança Viária, José Aurélio Ramalho, também participou de forma remota e falou sobre a participação de Divinópolis no movimento por um trânsito mais seguro. “A participação de Divinópolis em projetos e campanhas como Laço Amarelo, Maio Amarelo e Educa Trânsito, demonstram o quanto a cidade está alinhada com a campanha e a sua importância para a região. Agradecemos ao secretário Lucas Estevam e toda equipe pelo engajamento no movimento do Laço Amarelo, graças a importantes apoios como este, temos hoje o primeiro braço do Observatório em Minas Gerais. O Maio Amarelo está presente em 30 países e Divinópolis sai na frente dando o pontapé inicial nas ações, fazendo uma grande liderança em todo o estado”, afirmou.

O secretário de Trânsito de Divinópolis, Lucas Estevam, agradeceu a escolha de Divinópolis para a abertura do evento e deixou uma mensagem importante sobre a segurança no trânsito. “Para nós é uma grande honra o Observatório ter escolhido Divinópolis para este momento. A cada ano vemos que este movimento está crescendo. É muito bom contar com todas as autoridades e parceiros presentes hoje neste evento, que apoiam esse movimento e as ações da Settrans. É um papel muito difícil conscientizar os motoristas para um trânsito mais seguro. É muito mais fácil colocar a culpa no outro, ou no serviço público do que assumir os próprios erros no trânsito, mas queremos que isso mude e para isso que as campanhas como o Maio Amarelo existem. Quanto mais próximos estivermos juntos pelas ações educativas, mais vidas salvaremos”, reforçou.

O chefe do departamento de Polícia Civil, Flávio Destro, falou sobre as ações relacionadas ao trânsito exercidas pela instituição que representa e sobre as campanhas educativas. “Fico muito feliz em ver como o município se envolve nas ações de segurança no trânsito. A Polícia Civil se envolve nas ações do trânsito deste a habilitação de motoristas, formação de condutores, campanhas educativas e também em relação à repressão dos crimes no trânsito. Mas é muito melhor educarmos um motorista do que termos que agir nos crimes cometidos no trânsito, principalmente por imprudência como embriaguez ao volante. Parabéns à Settrans e ao Observatório, que esse evento faça com que as pessoas se conscientizem sobre o papel de cada um no trânsito e que possamos nos envolver com essa causa durante todo o ano. Importante que cada um inicie mudando seus próprios hábitos”, lembrou.

Maurício Portella, coordenador da Divisão Minas Gerais do ONSV, reforçou o tema da campanha e a importância de comprometimento de todos pela causa. “ O tema ‘Juntos salvamos vidas’, tem que ser juntos e unidos de verdade. Divinópolis é uma inspiração que nos motiva a permanecer e continuar nesse propósito de buscar cada vez mais a segurança no trânsito. Precisamos estar todos unidos por esta causa, de verdade. Que todas as ações possam estar demonstradas nas estatísticas de reduções de índices de acidentes no trânsito. Não adianta cobrarmos da Prefeitura, cujas ações preventivas são muito bem executadas em Divinópolis, se nós mesmos não mudarmos nossa postura no trânsito. A prática dos valores no trânsito tem que ser ensinada desde crianças. Todos nós queremos segurança no trânsito, mas mais do que isso, precisamos de compromisso, comprometimento e engajamento. Nós que somos agentes políticos temos que refletir: o que fazemos além daquilo que a lei nos propõe?”, finalizou.

Mesa de Debates

Após a solenidade de abertura, teve início uma mesa redonda para discutir o tema: “Que trânsito queremos para Divinópolis?”. Cada uma das autoridades falou sobre questões relacionadas ao trânsito pelo olhar da instituição que representam.

Fizeram parte do debate: o secretário de Trânsito, Lucas Estevam; o delegado da Polícia Civil, Anderson Vicente de Sousa; o subcomandante do 23º Batalhão da Polícia Militar, Major Marco Paulo de Oliveira Gontijo; o secretário de Saúde, Alan Rodrigo da Silva; a diretora-presidente do Complexo de Saúde São João de Deus, Elis Regina Guimarães; o capitão do 10º Batalhão do Corpo de Bombeiros, Ricardo Augusto Ferreira Quadro;  o secretário executivo do Samu, José Márcio Zanardi; a gerente de Políticas Educacionais da Secretaria de Educação, Ana Paula Cândida Faria; a coordenadora do Curso de Medicina da UFSJ, Andressa Vinha Zanúncio e o observador certificado pelo ONSV, Ronaro Ferreira.