Vacina experimental contra o zika vírus mostra eficácia em macacos

Postado em 26/09/2016 8:17

Cientistas dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH, na sigla em inglês) desenvolveram uma nova candidata a vacina de DNA contra o vírus da zika. Os testes realizados em 18 macacos mostraram que 17 primatas tiveram proteção total após duas doses da vacina que se baseia em um DNA que codifica duas proteínas exclusivas do vírus da zika.

De acordo com os autores do artigo que foi publicado na revista Science, os resultados dos ensaios serão utilizados nos testes clínicos com humanos, já em andamento, para ajudar a estabelecer os níveis mínimos de anticorpos no sangue para que uma proteção completa seja possível.

Uma vacina preventiva é vista pelos cientistas como a melhor alternativa para reduzir o alastramento do vírus pelo mundo e evitar suas graves consequências para gestantes. Uma das possibilidades é o desenvolvimento de vacinas de DNA, que codifica proteínas específicas do vírus.

Quando as células do paciente absorvem esse DNA, elas o utilizam para sintetizar as proteínas virais, levando o organismo a reconhecê-las e desencadeando uma resposta do sistema imune contra a infecção.

O teste teve o objetivo de avaliar se a vacina de DNA do NIH realmente induz à produção de anticorpos e se eles são neutralizantes o bastante. O próximo passo é estabelecer o limiar de anticorpos necessários para a proteção.

Fonte: Jornal Hoje em Dia

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com