Veja um pouco mais sobre o Núncio Apostólico que visita Divinópolis neste final de semana

Postado em 20/07/2018 10:14

A Diocese de Divinópolis vive o Jubileu de comemoração dos 60 anos de criação e instalação. A abertura oficial dos festejos é com a presença do Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni d’Aniello. Ele celebra missa neste sábado, dia 21, no bairro Nações, ás 19h30min e no domingo (22), na Catedral do Divino Espirito Santo, ás 9H. 

Um núncio apostólico é o representante diplomático permanente da Santa Sé – não do Estado da Cidade do Vaticano – que exerce o posto de embaixador. Representa a Santa Sé perante os Estados (e perante algumas organizações internacionais) e perante a Igreja local.

Dom Giovanni tem 63 anos e nasceu em Aversa (Itália). Foi ordenado sacerdote em dezembro de 1978. É doutor em Direito Canônico. Ingressou no Serviço Diplomático da Santa Sé em 1983, tendo desempenhado a sua atividade junto às Representações Pontifícias do Burundi, Tailândia, Líbano, Brasil e Seção para as Relações com os Estados da Secretaria de Estado, no Vaticano. Foi nomeado Núncio Apostólico na República Democrática do Congo, em 2001, e em 2010, foi transferido para a Tailândia e Camboja. Em fevereiro de 2012, o papa Bento XVI nomeou Dom Giovanni d’Aniello para o cargo de núncio apostólico no Brasil, em substituição a Dom Lorenzo Baldisseri.

O núncio apostólico representa um alto nível das missões diplomáticas da Santa Sé, equivalente a uma embaixada, sendo, portanto, como um embaixador da Santa Sé no país a que foi designado. Um núncio apostólico costuma ter a dignidade eclesiástica de arcebispo. Normalmente reside na Nunciatura Apostólica,  com os mesmos privilégios e imunidades que uma embaixada.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com