fbpx
Pular para o conteúdo
  • Home
  • Policial
  • Suspeito de canibalismo em Amsterdã é preso a caminho de MG com carne na mala

Suspeito de canibalismo em Amsterdã é preso a caminho de MG com carne na mala

Image

Suspeito de assassinar e praticar canibalismo em Amsterdã, na Holanda, um mineiro de Matipó, na Zona da Mata mineira, foi preso na noite da última segunda-feira (27 de fevereiro) no aeroporto de Lisboa, em Portugal. Ele carregava uma carne suspeita em sua mala e foi abordado no momento em que tentava embarcar em um voo para Belo Horizonte.

Segundo informações apuradas pelo jornal Correio de Manhã, de Portugal, Begoleã Fernandes, de 26 anos, é suspeito de um homicídio ocorrido em Vegasstraat, no norte da cidade holandesa. O crime teria ocorrido na noite de domingo (26) e o suspeito fugiu logo em seguida para o outro país.

Uma fonte da polícia portuguesa teria informado que o mineiro chegou ao país de um voo que saiu de Amsterdã, porém, após apresentar um passaporte falso italiano, acabou levantando suspeitas e foi abordado.

Foi então que as autoridades europeias confirmaram a real identidade do jovem e a existência de um mandado de prisão emitido pela justiça holandesa. Agora, ainda conforme a publicação de Portugal, o rapaz foi detido e aguarda a decisão do tribunal sobre sua possível extradição para o outro país.

Carne na mala

Ainda de acordo com o jornal português, na mala de Begoleã foram apreendidos uma amarra, roupas sujas de sangue e uma embalagem plástica com “pedaços suspeitos de carne”. Diante da possibilidade de se tratar de carne humana, o material foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Lisboa para passar por exames.

Fonte: O Tempo