Publicidade

Operação para recuperar caminhão furtado na BR-464 termina em tiroteio

Postado em 28/04/2021 17:00

Ninguém se feriu e um suspeito foi preso

Durante operação com o objetivo de recuperar um caminhão furtado em Uberaba, policiais civis trocaram tiros com criminosos na tarde da última terça-feira (27), na rodovia BR-464, próximo ao município de Delta, no Triângulo Mineiro. Ninguém se feriu. Na ação, um suspeito, de 32 anos, foi detido.

O caminhão foi furtado na última segunda-feira (26). O motorista, de 36 anos, registrou um boletim de ocorrência na Polícia Militar (PM), relatando que, no último domingo (25), havia estacionado o veículo no lugar de costume. Porém, na manhã do dia seguinte, o caminhão havia sido levado.

Advertisement

O condutor também notificou a empresa responsável pelo rastreamento, que informou que a última localização do caminhão era na BR-050, sentido São Paulo.

O caso foi repassado à Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) que, após investigações, iniciou as buscas e chegou à rodovia BR-464. Por ser um local de difícil acesso, os policiais desceram da viatura e continuaram o caminho a pé em meio à mata, quando ouviram barulho de caminhão e algumas vozes.

Em seguida, eles abordaram os suspeitos e se identificaram em voz alta. Porém, os policiais civis foram recebidos com tiros e dispararam de volta. Três autores conseguiram fugir pela mata e um foi preso. Um carro usado pelos criminosos foi apreendido.

Durante a ocorrência, um dos fugitivos se aproximou e atirou novamente contra um dos policiais, que reagiu e disparou contra o autor, que correu novamente em direção à mata.

The post Operação para recuperar caminhão furtado na BR-464 termina em tiroteio first appeared on Portal Amirt.

Postado originalmente por: Portal AMIRT

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!