Macarrão assina acordo com a Justiça para ter liberdade condicional

Postado em 01/11/2018 8:33

Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, assinou nesta quarta-feira (31) o termo de liberdade condicional proposto pela Justiça de Pará de Minas, cidade onde ele cumpre pena. O acordo foi proposto pelo juiz de 1ª Instância da Vara de Execuções Criminais, da Infância e da Juventude e de Precatórias Criminais de Pará de Minas, Antônio Fortes de Pádua Neto e pelo promotor Renato de Vasconcelos Faria.

Romão foi condenado no caso da morte de Eliza Samudio, em 2010, e estava em regime aberto desde março. Para continuar em liberdade condicional, Macarrão terá de cumprir uma série de medidas como: comprovar em 30 dias exercício de trabalho lícito; apresentar-se em juízo mensalmente; não se ausentar da comarca sem autorização judicial; ficar em casa de 22h às 6h; além de não usar bebida alcoólica e portar arma de fogo. 

A pena de Luiz Henrique é de 18 anos de prisão, sendo 15 em regime fechado por homicídio triplamente qualificado e três anos em regime aberto por sequestro e cárcere privado. 

Segundo a advogada de Macarrão, Fabiana Cecília Alves, o cliente deve continuar trabalhando na Igreja do Evangelho Quadrangular em Pará de Minas e prestando serviços em um lava-jato. 

Macarrão assina acordo com a Justiça para ter liberdade condicional

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics