Prefeitura emite nota sobre pagamento dos professores onde reitera dívida do Fundeb

Postado em 08/11/2018 17:21

O pagamento dos professores da rede municipal de ensino está em atraso. Os servidores da educação receberam R$ 500 referente à folha de setembro, esse suficientes para quitar 34% da folha de setembro. A folha de pagamento dos servidores municipais chega a R$ 10 milhões.

A situação gera insatisfação, greve, operação tartaruga e outros, como críticas. Em resposta a isso a prefeitura emitiu uma nota onde condena o aproveitamento político diante da situação e ainda reitera a responsabilidade do estado.

 

Veja a nota na íntegra

“A Administração Municipal vem a público repudiar a atitude de quem se utiliza da crise financeira dos municípios para tentar tirar proveito político de tão grave realidade. A Prefeitura de Divinópolis reafirma que o pagamento dos professores da rede municipal é feito com os recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e que o repasse desse dinheiro é de inteira responsabilidade do Governo Estadual. Porém, o Governador do Estado, Fernando Pimentel, descumpriu uma determinação constitucional e não repassa os recursos aos Municípios. 
Enquanto foi possível, o Município utilizou-se do caixa único da Prefeitura para quitar o que seria responsabilidade do Estado. Porém, a situação tornou-se insustentável. A dívida com Divinópolis, somente do Fundeb, já totaliza R$ 13 milhões, valor suficiente para regularizar os salários dos profissionais da Educação. Lamentavelmente, tal realidade se reflete em todo o Estado, o que coloca os 853 municípios mineiros em uma completa situação de penúria que já se reflete no dia-a-dia dos cidadãos”.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics