Município envia projeto para Câmara analisar adesão a aterro sanitário sediado em Pitangui

Postado em 25/06/2018 16:25

A Prefeitura de Divinópolis começou a definir a disposição dos resíduos sólidos urbanos. Em março, o município aderiu ao Consórcio Intermunicipal de Aterro Sanitário do Centro-Oeste Mineiro (CIAS) com sede em Pitangui. Divinópolis, por unanimidade, foi aceita no consórcio em assembleia realizada pela diretoria do CIAS e encaminhou, na quarta-feira (20/06), à Câmara Municipal o projeto de lei autorizativa para regulamenta a adesão ao município ao CIAS.

O objetivo é dotar Divinópolis de uma alternativa segura e licenciada para a destinação final de seu lixo urbano. De acordo com o procurador do município, Wendel Santos de Oliveira, a necessidade de resolução do problema é de extrema urgência.

“O atual aterro, às margens da rodovia que liga Divinópolis a Carmo do Cajuru, não oferece condição alguma para o licenciamento nos órgãos estaduais de controle, e sobre ele pende sentença judicial já definitiva proferida em ação movida pelo Ministério Público Estadual, que vem cobrando da administração, por meio de constantes reuniões, uma solução o mais célere possível para esse problema”, afirmou.

O projeto desenvolvido junto ao Consórcio Intermunicipal Multifinalitário do Centro-Oeste de Minas (Cincom) não chegou a ser concretizado, em razão de obstáculos técnicos de difícil ou impossível remoção, em tudo incompatíveis com a urgência da demanda afeta ao lixo urbano divinopolitano.

“É preciso agir, e agir com base no que se mostra viável, factível, a bem da coletividade, a bem do interesse público. O CIAS Centro-Oeste é um consórcio consolidado formado por trinta e oito municípios e dispõe de duas áreas próprias para a disposição dos resíduos sólidos coletados, uma situada em Nova Serrana e a outra em Quartel Geral. Com projetos já delineados, o CIAS se credencia como um diferencial para nossa região e para nosso Estado. A meta está traçada e, com apoio dos mais diversos setores municipais e, principalmente, de nossos valorosos vereadores, será levada a bom termo”, destacou o procurador.

Procurador do município, Wendel Santos afirmou que a resolução do problema do lixo urbano é de extrema urgência.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com