“Eu não fui no evento da COPASA para não ser preso” afirma prefeito durante entrevista - Portal MPA

Publicidade

“Eu não fui no evento da COPASA para não ser preso” afirma prefeito durante entrevista

Postado em 02/10/2021 8:30

O aumento da conta de água em Divinópolis se transformou em um pesadelo para muita gente. O reajuste médio foi 49%. Em alguns casos esse reflexo será de prejuízo. O assunto foi tema da entrevista com o prefeito Gleidson Azevedo no programa Bom Dia Divinópolis. O prefeito rebateu as criticas da ARSAE e voltou a cobrar da empresa compromisso com a população divinopolitana.

Na última quinta-feira, 23 o presidente da COPASA Carlos Eduardo Tavares de Castro esteve na cidade de Divinópolis. O prefeito Gleidson justificou sua ausência. Ele disse que não foi no evento para não ser preso. Gleidson enfatizou que não teria equilíbrio para encarar de frente os responsáveis pela gestão da COPASA, e faria cobranças severas para problemas crônicos da cidade.

O índice é reflexo da unificação das tarifas aprovada pela ARSAE. Na prática, a agência extinguiu a tarifa de tratamento de esgoto e definiu uma única para o serviço, seja ela coleta ou tratamento. Essa nova tarifa representa o valor de 74% do valor pago pela água, inferior aos 100% atuais para quem tem o esgoto tratado. Entretanto, em Divinópolis a mudança gerou uma elevação de 49% para quem não tem o tratamento de esgoto cerca de 90% da população.

Advertisement

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade