Assessoria do Deputado Cleitinho esclarece sobre as contenções de verbas em seu gabinete na Assembleia - Portal MPA

Publicidade

Assessoria do Deputado Cleitinho esclarece sobre as contenções de verbas em seu gabinete na Assembleia

Postado em 14/02/2019 16:56

CLEITINHO AZEVEDO PLENARIO

A reportagem do Sistemampa, entrou em contato  com a assessoria do Deputado Cleitinho Azevedo , sobre as verbas utilizadas pelo seu gabinete na assembleia Mineira.

Resposta Assesoria Deputado Cleitinho

“Dentro da proposta de exercer um mandato que promove a economia e o respeito ao dinheiro público, o Deputado Estadual Cleitinho Azevedo adotou de imediato várias medidas para contenção de despesas e exemplo de que para bons resultados para a população não são necessários gastos exorbitantes.”

 

Verbas informadas por sua assessoria que não utilizadas pelo Deputado durante todo o mandato:

  • O parlamentar abriu mão do auxílio moradia que é pago mensalmente aos parlamentares   e tem  valor de  R$ 4.377,73 e vai  doar o correspondente ao auxílio paletó,   benefício de R$25 mil que o deputado recebe no início e fim do mandato, a título de ajuda para sua “mudança” para a capital a mineira.

Além de abrir mão e doar, Cleitinho também apresentou Projetos de Lei que acabam com este tipo de regalia.  

  • O Deputado decidiu abrir mão do plano telefônico corporativo da assembleia.

 

  • Ele recusou o serviço de gráfica da Assembleia que é usado para imprimir cartões e mala direta como cartas de felicitação por aniversário, natal e outras datas comemorativas.

Somente com a extinção dos serviços gráficos e de postagens, que dá a cada deputado cerca de 10 mil reais por mês e no mandato todo R$480.000,00. Se todos Deputados não utilizassem este recurso, no fim do mandato, a Assembleia teria economizado 37 milhões de reais

 

  • Equipe reduzida nomeou 15 dos 23 assessores que poderia nomear. Com esta redução, o montante utilizado para pagar salários de assessores ficou em torno de 74 mil reais, 30% a menos  do que os 105 mil reais que é o teto por gabinete.