Torcida do Cruzeiro comemora: Serginho renuncia ao cargo de diretor

Postado em 04/10/2019 18:11

Por Hugo Serelo

A torcida do Cruzeiro está eufórica nas redes sociais. A notícia da renúncia do diretor de futebol Sérgio Nonato, o vulgo Serginho do Alterosa Esporte, foi recebida com festa.

Apontado como homem de confiança do presidente Wágner Pires Sá e do diretor de futebol Itair Machado, Serginho comunicou sua saída do clube durante o fim da tarde de hoje (4).

Trabalho Contestado

Sérgio Nonato ficou marcado por fazer promessas de patrocínios milionários que jamais foram concretizados. Os comprometimentos causavam expectativa e, depois, frustração na torcida.

O dirigente fazia parte do grupo de funcionários de grande salário.

O primeiro contrato dele no clube previa ordenado de R$ 60 mil por mês. Quinze dias após a assinatura, Serginho já recebeu aumento. No primeiro aditivo, Serginho recebeu luvas de R$ 300 mil pagos em maio de 2018 e aumento salarial para R$ 75 mil a começar no mês de junho. No fim do ano, foi concedido a ele um novo aumento. O salário dele saltou para R$ 125 mil mensal. Ainda de acordo com a TV Globo, que investigou todos os dados, o dirigente ainda tinha direito a comissões por patrocínios fechados por seu intermédio.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com