Procurador que usou Câmara para defender Galileu é denunciado por improbidade administrativa

Postado em 28/06/2019 0:36

Wendel Santos, o procurador-geral da Câmara de Divinópolis, usou seu cargo público para defender o prefeito Galileu Machado (MDB) wm plena tribuna em 11 de dezembro de 2018. Em consequência disso, o Ministério Público de Divinópolis acaba de denunciar Wendel por improbidade administrativa.

O servidor público foi à tribuna da Câmara durante o seu horário de expediente para realizar um entusiasmado discurso em defesa do prefeito, que sofria ameaça de um possível processo de impeachment.

A promotoria divinopolitana promete averiguar o caso com profundidade.

A Prefeitura de Divinópolis afirmou que “as interpretações erradas acerca do ato em questão serão oportunamente afastadas“.

Opinião

Um procurador usar seu cargo público pra defender o prefeito dessa forma é imoral e pouco inteligente. Ele não conseguiu o que queria. A imagem de Galileu ficou mais arranhada, e o procurador Wendel agora terá de se explicar ao Ministério Público“, opinou Mirella Fernandes, estudante do quinto período de Direito e ouvinte da Minas FM 104,1.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
error: Este conteúdo é protegido!