Publicidade

Mulher bate em carro de padre, foge da PM e dá trabalho para as autoridades

Postado em 15/08/2019 20:25
Publicidade

Uma mulher de 54 anos causou uma série de transtornos na MG 050 durante o fim da tarde de ontem (15). Segundo relatos policiais, a acusada Andreia Nogueira, de 54 anos, se envolveu num acidente de trânsito em Santo Antônio do Monte ao bater no veículo de um padre.

O sacerdote não sofreu ferimentos, mas ao sair do automóvel quase foi atropelado pela condutora, que se recusou a ficar no local e aguardar a chegada de equipes policiais.

A autora fugiu disparadamente pela MG 164 em seu Crossfox.

Em Pedra do Indaiá, equipes da Polícia Militar deram ordem de parada, mas Andreia desobedeceu a e evadiu em alta velocidade. A perseguição se estendeu até as imediações da MG 050, onde a mulher tentava conduzir até Divinópolis.

A viatura deteve o automóvel da autora, mas Andreia Nogueira desacatou e desobedeceu a equipe militar. Aparentando descontrole emocional.

Ao ser algemada e conduzida de volta à Santo Antônio do Monte, a mulher foi acusada de repetir ofensas contra a equipe policial.

Equipes médicas atenderam a mulher e realizaram testes do bafômetro. Foi constatado que a mulher estava sóbria e consciente.

Diante dos fatos, Andreia foi conduzida às autoridades e foi acusada de cometer crimes de abandono de local de acidente, direção perigosa, desobediência e desacato.

Todavia, a mulher foi liberada e responderá pela conclusão dos trâmites burocráticos em liberdade.

Testemunhas que conversaram anonimamente com nossa equipe de reportagem manifestaram revolta com a exposição de perigo praticada pela condutora, que é moradora de Lagoa da Prata.

A Polícia Civil investiga o caso.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!