Júri popular condena homem que matou mulher a facadas em Divinópolis

Postado em 06/11/2018 14:20

Um crime de homicídio tirou a vida de Leila Aparecida Costa, o fato se deu no dia 17 de dezembro de 2013, no bairro Padre Eustáquio teve desfecho hoje no Fórum de Divinópolis. Segundo familiares da vítima, o autor, réu confesso foi condenado a oito anos de prisão domiciliar, para eles uma pena branda e por isso a revolta.

 

Vanildo Costa era casado com Leila, e o casal foi a uma concessionária de veículos para comprar um carro, descordaram do valor e ela o largou no local, retornando para a residência do casal. Ao chegar em casa, houve a discussão e ele então se apoderou de uma faca, mesmo na presença dos filhos adolescentes, ele desferiu os golpes que tiraram a vida de Leila.

 

A decisão, após o tribunal do juri ouvir os argumentos de acusação e defesa, uma sentença de oito anos em prisão no semiaberto, mas foi concedida a prisão domiciliar. 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics