Empresário preso em Divinópolis fez fortuna em empresa acusada de falsificar suplementos

Postado em 25/10/2018 16:09

Conforme o Sistema MPA destacou em matéria anterior, um homem foi preso em Divinópolis acusado de falsificar suplementos para animais.

Trata-se do empresário Thiago Belchior, de 32 anos, proprietário da empresa Nutrifly Suplementos.

A prisão ocorreu durante a tarde de ontem (24) na sede da empresa, situada na Rua Curvelo, no bairro Santa Tereza.

A Polícia Federal agiu em conjunto com a Patrulha Rural da Polícia Militar para apoiar uma ação embasada em denúncias do Ministério da Agricultura.

Na empresa foram localizadas cerca de duas toneladas de produtos utilizados na falsificação de suplementos alimentares para cavalos.

Os produtos falsos eram vendidos em potes de dez quilos por um valor de cerca de R$60,00 a unidade.

O local apresentava várias irregularidades. Além disso, o acusado falsificou seus documentos no Conselho Regional de Medicina Veterinária, segundo fiscais federais.

Thiago Belchior recebeu voz de prisão em flagrante e já se encontra preso no presídio Floramar. Sua pena pode variar entre dois e seis anos de reclusão.

Química do Mal

Informações obtidas por nossa equipe de reportagem apontam que Thiago Belchior era um empresário conhecido no ramo do agronegócio do Centro-Oeste.

Após entrar no mercado como vendedor de produtos agropecuários, teria aprendido métodos de falsificação de suplementos para equinos.

As fórmulas criminosas formavam uma fraca ração baseada em sal para cavalos, mas era apresentada como um potente suplemento para aumento de ganho muscular para cavalos.

Com um custo baixo, a empresa Nutrifly conseguiu arrecadar elevados valores, acumulando uma pequena fortuna.

Divinópolis

A Polícia Federal, através do delegado Felipe Baêta, segue a investigar outras empresas na cidade que podem estar a cometer crimes similares.

Suplemento Animal

Os suplementos para equinos são produtos valiosos no mercado veterinário. Criadores investem elevados valores na criação dos animais.

Produtores rurais donos de raças nobres adquirem suplementos bons para a saúde dos cavalos.

Divinópolis

Produtores rurais em Divinópolis conversaram com nossa equipe de reportagem e se disseram revoltados.

“Exigimos justiça e punição rigorosa. Pelos compradores que foram lesados, mas sobretudo pela honra dos demais comerciantes que sempre agiram de forma digna em Divinópolis”, relata um fazendeiro de 61 anos que preferiu não se identificar.

Academias

Mesmo sendo um produto animal, há seres humanos que se arriscam a consumir suplementos para cavalos. Em algumas academias, a venda clandestina ocorre para fisiculturistas que buscam uma forma física com maior massa muscular.

Médicos afirmam que os produtos podem causar danos graves à saúde, sobretudo em aspectos renais.

 

Empresário preso em Divinópolis fez fortuna em empresa acusada de falsificar suplementos

Parte do estoque apreendido.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics