Publicidade

Divinópolis: Jovens matam idoso, enterram embaixo de pé de limão e depois fazem suco da fruta para comemorar o crime

Postado em 26/08/2019 17:14

A Polícia Civil esclareceu a morte de um idoso de 65 anos. O corpo dele foi encontrado enterrado embaixo de um pé de limão, na casa onde vivia no bairro Jardim das Acácias. O que chama a atenção nesse caso é a crueldade. Dois jovens são apontados como autores do crime. Eles enforcaram o idoso, atearam fogo nele, ainda vivo e o enterram embaixo de um pé de limão. Se não bastasse, depois do crime, os suspeitos ainda colheram frutos para preparar um suco.

O corpo de Luiz Antônio Emery Da Fonseca de 65 anos estava enterrado embaixo de um pé de limão na casa onde ele vivia no bairro Jardim das Acácias. O corpo estava carbonizado e foi o localizado no fim da tarde da última sexta-feira (23). Dois jovens de 18 e 19 anos são os principais suspeitos de cometerem o crime com requintes de crueldade.

Luiz Antônio estava desaparecido desde o último dia 15 de agosto. Familiares já procuravam angustiados pela vítima. De acordo com a Polícia Civil, dois jovens, identificados como Morenilson Santos de Almeida de 18 anos – que está no Centro Socioeducativo e Pablo Henrique Araújo de Melo de 19 anos – procurado pela polícia são apontados como principais suspeitos. Câmeras de monitoramento próximas da casa do senhor Luiz Antônio captaram a presença de Morenilson no dia do desaparecimento.

Pablo teria auxiliado a executar o crime. É considerado foragido da justiça. FOTO: Divulgação/PC

A polícia agora está à procura de Pablo Henrique Araújo de Melo. Ele teria ajudado Morenilson no assassinato de seu Luiz. A polícia teve acesso a imagens que mostram a movimentação dos suspeitos. Pablo teria pulado o muro para ter acesso à casa da vítima, que era bastante frequentada por moradores do bairro. Mais um homicídio na cidade que assusta pela brutalidade. Depois de enterrar a vítima, a dupla ainda colheu limões e fez um suco. Os dois levaram R$ 20 em dinheiro e venderam peças do caminhão que pertencia a Seu Luiz, totalizando mais R$ 53.

Quem tiver alguma informação sobre o paradeiro de Pablo Henrique Araújo pode comunicar à polícia pelo disque denúncia, o 181.

 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!