Acusado de estuprar e matar mulher no bairro Grajaú, em Divinópolis, é condenado a 25 anos de prisão - Portal MPA

Publicidade

Acusado de estuprar e matar mulher no bairro Grajaú, em Divinópolis, é condenado a 25 anos de prisão

Postado em 15/12/2021 19:08

Foto: TV Candidés. Imagem Ilustrativa

 

Foi condenado a 25 anos de prisão o homem acusado de estuprar e matar Wanda Aparecida Silva, de 39 anos, no bairro Grajaú, em Divinópolis. O caso aconteceu em 2019. Carlos Henrique Gonçalves, de 30 anos, estava preso na Floramar desde então.

O julgamento aconteceu nesta terça-feira, 14, e durou cerca de cinco horas. O júri popular foi composto por sete jurados e as testemunhas foram dispensadas. 

Outro homem, de 33 anos, suspeito de envolvimento, foi absolvido. 

O crime foi na manhã de 24 de julho de 2019, quando Wanda foi golpeada na cabeça e assassinada enquanto consumia drogas com dois homens nas imediações da Rua Pedestre. Indícios apontavam violência sexual.

Relembre

Homem preso acusado de estupro já foi apontado como pedófilo em Divinópolis

Acusados de estupro e homicídio são presos em Divinópolis