Leite e derivados, açúcar e carnes ainda são os vilões na hora de ir ao supermercado

Postado em 06/06/2018 10:35

O processo de abastecimento de itens comuns nas compras dentro de um supermercado ainda não está regular. Leite e derivados sofreram diretamente com a paralisação dos caminhoneiros, desde o recebimento de insumos para a produção, até a chegada ao consumidor final. É necessário um tempo, desde a alimentação do gado a produção e comercialização.

Segundo Gilson Amaral, presidente do Presidente do Sincomercio houve uma melhora muito expressiva no abastecimento aos supermercados de Divinópolis. “Já estamos com 90% dos estoques regularizados, porém existem algumas dificuldades na aquisição de leite e derivados, açúcar e algumas carnes, sobretudo as de frango. Devido a escassez no mercado e aumentos no preço de custo”, informou.

O açúcar sofre uma variação de preço estimada em 23,18%, o leite chega a incríveis 32,66%, e o peito de frango resfriado a 134,97%. Assim, a situação para o consumidor é pesquisar, buscar as melhores ofertas e se possível substituir por outro produto mais barato, pelo menos até a total normalização.

 

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com