Publicidade

Prefeito manda gerente da Copasa “criar vergonha na cara” e resolver problema de falta de água em Ermida

Postado em 31/07/2021 10:30

Prefeito manda gerente da Copasa "criar vergonha na cara" e resolver problema de falta de água em Ermida

Foto PMD/Prefeito manda gerente da Copasa “criar vergonha na cara” e resolver problema de falta de água em Ermida

Está circulando um áudio nas redes sociais, do Prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo, onde o assunto é a falta de água em Ermida.

No áudio, o prefeito cobra da gerente da Copasa, Elisabeth, uma solução  e pede para ela “tomar vergonha na cara”, que se ela não consegue resolver o problema, então que ela peça para sair. “Aproveitar que a Elisabeth, o João, Guilherme, quem tiver da Copasa aí. Que hora vocês vão criar vergonha na cara e arrumar a questão de Ermida, por que desde quando eu me tornei prefeito toda semana é falta de água. O que vocês vão fazer para arrumar aquilo lá? Eu te mandei mensagem ontem Elizabeth, você falou que foi um problema que aconteceu, e lá resolveu? Que até agora o povo está sem água lá. Pelo amor de Deus, cria vergonha na cara, se vocês não dão conta de resolver, pedem pra sair, pelo amor de Deus, mas cria vergonha na cara. Me dá o contato do presidente, que for, se vocês não dão conta de resolver. Cria vergonha na cara, ninguém aguenta esse negócio de falta de água mais não. Cria vergonha na cara e pede para sair”. Ouça áudio na íntegra:

Advertisement
Sistema MPA de Comunicação · Prefeito fala para gerente da Copasa “criar vergonha na cara”

O Sistema MPA de Comunicação tentou contato com a gerente da Copasa, mas até o fechamento da reportagem não obteve posicionamento. O Sistema MPA deixa o espaço aberto também caso o Prefeito queira se posicionar mais sobre o assunto.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!