Publicidade

Praça da Savassi é adotada através de projeto do vereador Eduardo Print Júnior

Postado em 07/02/2021 14:46

 

Empresários de Divinópolis oficializaram, junto ao Prefeito Gleidson Azevedo, a adoção da Praça da Savassi, na região central da cidade. O projeto, de acordo com os proprietários, é fazer uma recuperação paisagística do local e, assim como exige o projeto, ajudar na preservação do espaço. 

Advertisement

O local foi adotado pelos proprietários do Restaurante Hot’n ‘Tender e da Dona Caseira Cafeteria.

Proposto em 2018 pelo vereador Eduardo Print Júnior (PSDB), o projeto ‘Adote Um Bem Público’ continua rendendo grandes parcerias entre a Prefeitura Municipal e empresas privadas. Com o intuito de auxiliar o executivo no cuidado e zelo dos espaços públicos, o projeto foi aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal. Desde então, dezenas de parcerias foram feitas, envolvendo áreas como praças, campos e escolas municipais.

O vereador ressaltou a importância das parcerias entre os setores público e privado com o objetivo de trabalhar pelo desenvolvimento da cidade. “É uma via de mão dupla. Tanto a Prefeitura quanto as empresas parceiras saem em vantagem com o projeto. Os espaços públicos ganham um novo visual, se tornam atrativos para a população e a Prefeitura ganha novos parceiros para projetos futuros”, revela Print Júnior.

ÁREAS ADOTADAS

Desde o início do projeto, diversos pontos da cidade foram adotados por empresas que se prontificaram a colaborar com a Prefeitura. Espaços como a Praça da Autoescola Coimbra, a rotatória da Av. JK (próximo à rodoviária) e a Escola Municipal Sidney José de Oliveira são alguns dos exemplos de parceria que deram muito resultado. “O balanço que faço anualmente desse projeto é bastante positivo. Muitas empresas me procuram para entender mais sobre o ‘Adote Um Bem Público’, e até mesmo cidadãos que enxergam um local abandonado e deseja disponibilizá-lo à comunidade”, explica o vereador.

COMO ADOTAR

O processo de adoção de um espaço público pode ser feito por empresas privadas, associações e cidadãos. O interessado deverá se manifestar por meio de uma carta de intenção, protocolando o documento na Secretaria Municipal de Governo junto a um projeto básico, que especifique as obras e serviços que serão realizadas no bem público.

Eduardo Print Júnior colocou a Câmara à disposição para auxiliar nos projetos. “Temos também este dever de auxiliar o cidadão nos projetos que ajudarão a cidade a crescer”, concluiu.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!