Publicidade

Divinópolis elege novo presidente do Conselho Municipal de Turismo

Postado em 16/02/2021 16:51

 

Em uma reunião extraordinária, nesta segunda-feira, 15, aconteceu a eleição do novo presidente do Conselho Municipal de Turismo (Comtur). O novo eleito foi conhecido na Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo no Centro Administrativo da Prefeitura de Divinópolis. O conselho tem por objetivo formular e desenvolver as políticas e planos do turismo, além de apoiar iniciativas que incrementem o setor no município.

Advertisement

A eleição contou com chapa única, sendo eleito, por unanimidade, o representante da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Humberto Freitas Filho, como presidente. O restante do Conselho é composto pelo vice-presidente e gerente administrativo da Secretaria Municipal de Cultura, João Batista da Silva e, como secretário do conselho, o gerente de infraestrutura da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo, Gustavo Guimarães de Oliveira.

O presidente eleito, Humberto Freitas, destacou a importância do setor para a economia local. “Assumo um grande desafio já que o turismo será peça fundamental no crescimento do desenvolvimento econômico da cidade”, ressaltou.  Para Humberto, é necessária uma atenção especial para o fortalecimento da alimentação fora do lar. “Foi um segmento tão afetado pela pandemia e que é tido como o lazer dos divinopolitanos”, ressaltou.

Ele também citou sobre os eventos, sobre capacitação de profissionais da área e sobre as feiras da cidade, não deixou de lado a importância do turismo de negócio e de saúde, além da valorização e olhar especial para o turismo rural.

O secretário Luiz Ângelo Gonçalves também esteve presente na reunião e apresentou a Cartilha Parlamentar do Ministério do Turismo 2020/2021, que recebeu das mãos do Ministro Gilson Machado em recente visita à Brasília, onde inclusive levou projetos para o crescimento do turismo em Divinópolis. 

O mandato dos membros do Comtur é de dois anos, a contar da publicação do decreto, admitindo-se recondução por igual período, conforme §5º do art. 4º da Lei Complementar nº. 185, de 20 de abril de 2018. O mandato dos conselheiros é considerado como serviço público relevante não remunerado. Estiveram presentes vários membros representantes do poder executivo e da sociedade civil organizada.

Pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo, participaram da votação Gustavo Guimarães de Oliveira e Graciela Caputo. Representando a Secretaria Municipal da Cultura, João Batista da Silva e Felipe Soalheiro Israel. Já da Secretaria Municipal da Educação, Hélcia Nunes de Godói. Representando a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Políticas de Mobilidade Urbana o secretário, Ezequiel Cilas Rodrigues.

 

Pela Câmara Municipal de Divinópolis, Flávio Ramos de Assis Pereira. Gustavo Henrique Rocha Bicalho, como representante da Associação Comercial e Industrial de Divinópolis (Acid). Da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Humberto Freitas e do Sindicato Rural de Divinópolis, Ivan Geraldo Borges. O Sindicato dos Empregados em Turismo e Hospitalidade de Divinópolis (SIETHD), foi representado por Ademar Seabra Santiago.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!