CPI da Educação: Prefeito e secretária devem apresentar defesas nos próximos dias - Portal MPA

Publicidade

CPI da Educação: Prefeito e secretária devem apresentar defesas nos próximos dias

Postado em 04/08/2022 18:23
Publicidade

Depois de quase 40 dias de recesso, uma nova reunião da CPI da educação, na tarde desta quinta-feira, na Câmara de Divinópolis, definiu datas preliminares para apresentação do relatório. O prefeito e a secretária de educação foram intimados a apresentar suas defesas.

O prefeito Gleidson Azevedo e a secretária Andrea Dimas têm até o próximo dia 19 para apresentar suas defesas. A partir de então, o relatório deve ser aprovado pelos vereadores em plenário. A expectativa é que a votação ocorra no dia 24 de agosto e que a comissão encerre seus trabalhos no dia 02 de setembro.

Josafá também destacou a dificuldade de se realizar os orçamentos para comparar os preços praticados pela prefeitura nas atas. O vereador Rodrigo Kaboja pediu que os edis tivessem um prazo de 10 dias para ler o relatório antes da aprovação. Ele afirmou que forças ocultas estariam manipulando a CPI e não descartou elaborar um relatório alternativo.

A responsável pelo relatório final da comissão é a vereadora Lohanna França. Ela rebateu acusações de que a CPI esteja sendo usada como palanque político.

A CPI apura denúncias de superfaturamento com a compra de notebooks, brinquedos e materiais para laboratórios de ciência e matemática pela secretaria de educação de Divinópolis. Os produtos adquiridos somam mais de 30 milhões de reais. As atas de preço foram aderidas no fim de 2021.

Publicidade