fbpx
Pular para o conteúdo

Audiência em Divinópolis busca respostas para a fila do SUS

Image

No próximo dia 18, quarta-feira, às 19 horas, será realizada na Câmara Municipal de Divinópolis uma audiência pública que visa abordar um tema que afeta diretamente a vida de milhares de pessoas: a organização e transparência dos serviços de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS).

O motivo para essa reunião é uma questão que tem afligido a cidade de Divinópolis. Atualmente, mais de 35 mil pessoas estão aguardando por procedimentos médicos, e a falta de clareza sobre como funcionam as filas e a alocação de vagas tem sido uma fonte de preocupação constante. Muitos cidadãos se encontram em uma situação de ansiedade e incerteza, sem saber quando finalmente serão atendidos.

Uma das propostas em destaque para resolver essa situação é a criação de uma fila única para os serviços do SUS. Essa fila permitiria que cada pessoa que está aguardando atendimento médico possa acompanhar a posição em que se encontra, garantindo mais transparência e equidade no processo. Atualmente, a ausência de divulgação sobre quem é atendido e como as vagas são distribuídas tem gerado frustração e desconfiança na comunidade.

Em particular, a área oftalmológica tem enfrentado um acúmulo significativo de demanda, com mais de sete mil pessoas aguardando atendimento. A audiência pública busca, entre outras coisas, responder a perguntas essenciais: quando essas pessoas serão atendidas e como poderão acompanhar o progresso da fila?

A audiência é um pedido do vereador Rodyson do Zé Milton e também autoridades no assunto estarão esclarecendo e ouvindo as dúvidas da população. A proporção de pessoas aguardando vaga para procedimentos de saúde em Divinópolis em relação à população total é de aproximadamente 15,15%. Isso significa que cerca de 15,15% da população de Divinópolis está na fila de espera por procedimentos de saúde.