DEZEMBRO VERMELHO: Mês da conscientização da luta contra a Aids

Postado em 01/12/2018 9:59

DEZEMBRO VERMELHO: Mês da conscientização da luta contra a Aids

DEZEMBRO VERMELHO: Mês da conscientização da luta contra a Aids

 

Neste sabado (1º), Dia Mundial de Luta Contra a Aids, você saberá  como tem sido feito o trabalho de orientação, exames e acolhimento na cidade.

Em Divinópolis são feitos, por dia, 20 testes rápidos para diagnóstico de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) como Aids, Hepatite B e C e Sífilis. O diagnóstico, principalmente a Aids, tem sido precoce assim como a idade dos pacientes. Em sua maioria na faixa etária de 15 anos á 29 anos, a maioria do sexo masculino.

Resultado de imagem para Centro de Testagem e Aconselhamento divinopolis

 

O Centro de Testagem e Aconselhamento não atende apenas moradores de Divinópolis. O serviço recebe pacientes de outras regiões encaminhadas através de hospitais, Unidades de Pronto Atendimento (UPA), e Hemominas.

“É uma macrorregião que atendemos. Em Divinópolis temos em tratamento 400 pessoas com HIV, somando aos pacientes da macrorregião esse número de atendimentos a pacientes em tratamento vai para 1.711”, aponta Gomes.

O CTA desenvolve, de segunda-feira a sexta-feira das 7h ás 17h, diversos trabalhos de orientação, além da realização dos testes rápidos, que são gratuitos e sigilosos.

 

Há um ano, a Esplanada dos Ministérios deu início a uma grande mobilização nacional. Durante o mês de dezembro, as luzes vermelhas nos prédios públicos de todo o Brasil refletem a atenção dos Governos Federal, Estadual e Municipal para as medidas de prevenção, assistência e proteção das pessoas que vivem com Aids. A lei federal que trata da questão, sancionada em 2017, tem como um dos autores do projeto o deputado federal Jean Wyllys, que reconhece a importância do “Dezembro Vermelho” como um mês da consciência à respeito da doença.

“O Dezembro Vermelho é um conjunto de atividades. A iluminação dos prédios públicos é só uma das ações. A ideia é que as escolas se empenhem durante esse mês inteiro nessa campanha, de realizar palestras com especialistas, com pessoas convivendo com HIV. É um mês inteiro de agendas com ações e discursos e atividades que possam colaborar no combate à epidemia.”

Neste ano, o país comemora 30 anos do Dia Mundial de Luta Contra a Aids. O silêncio existente sobre a doença na década de 80, ano em que os primeiros casos surgiram no Brasil, deixou de existir e hoje a realidade é outra. Ao longo dos anos foram promovidas diversas campanhas de conscientização e grandes avanços em programas médicos foram conquistados, como explica o infectologista Alberto Chebabo.

“Além dos testes convencionais, tem os testes rápidos que são realizados, tem os testes que são feitos nos centros de testagens, que a pessoa procura um lugar específico na sua cidade e vai fazer o teste e consegue o resultado no mesmo dia, na mesma hora e que já pode passar por uma orientação.”

Mesmo com todos os avanços alcançados no combate à Aids, essa é uma luta que não acaba. Fique atento. As unidades de saúde estão preparadas para realizar os testes. Além de gratuito, o resultado sai rapidinho, em até 30 minutos. Faça uma checagem no posto de saúde mais próximo. A luz vermelha nos prédios públicos de todo o país é para lembrar também que essa luta é de todos os brasileiros. Use camisinha e conheça as outras formas de prevenção combinada no SUS e proteja-se. 30 anos do Dia Mundial de Luta Contra a Aids. Uma bandeira de histórias e conquistas. Saiba mais em aids.gov.br. Ministério da Saúde, Governo Federal.

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics