Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social divulga balanço de atendimentos no Creas

Postado em 07/06/2018 8:30

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semds) divulgou, nesta terça-feira (15/05), dados sobre os atendimentos no Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) do município. De janeiro a março, foram 974 usuários atendidos no centro de referência em atendimentos psicossociais.

No trimestre, foram 703 usuários acolhidos no centro e 974 em atendimentos psicossociais particularizados. O Creas é uma unidade pública de política de assistência social onde são atendidas famílias e pessoas que estão em situação de risco social ou cujos direitos foram violados. A unidade oferece o Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos (Paefi).

De janeiro a março, 44 pessoas ingressaram na Paefi, e foram realizados 150 atendimentos a famílias ou indivíduos em acompanhamento pelo serviço. Em relação às visitas domiciliares, foram 194 no trimestre, que totalizaram 703 usuários acolhidos no mesmo período.

O público-alvo do Creas são famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social com violação de direitos, como violência física, psicológica e negligência; violência sexual; afastamento do convívio familiar devido à aplicação de medida de proteção; situação de rua; abandono; trabalho infantil; discriminação por orientação sexual e/ou raça/etnia; descumprimento de condicionalidades do Programa Bolsa Família em decorrência de violação de direitos; cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto de liberdade assistida e de prestação de serviços à comunidade por adolescentes, entre outras.

De janeiro a março, foram 126 adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas atendidos pelo Creas. “O espaço faz o acompanhamento com a escola, com a família, para a reintegração do adolescente, de forma que ele não seja reincidente”, explicou a gerente de Políticas de Proteção Social, Márcia Luísa Santos. O centro de referência abordou 25 pessoas no trimestre, com 242 casos discutidos.

.

Foto: Assessoria Prefeitura Municipal de Divinópolis

 

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios