Procon comenta ação do MP contra empresa Magazine Luiza e orienta consumidores

Postado em 05/03/2020 11:16

Após a divulgação sobre ação do Ministério Público de Minas Gerais contra a empresa Magazine Luiza, estipulando multa no valor de mais de R$10 milhões, por cobrança indevida de seguros e produtos não solicitados por consumidores, nas faturas dos cartões de crédito contratados na loja; a reportagem do Sistema MPA de Comunicação, entrou em contato na quarta-feira (4), com o gerente do Procon de Divinópolis, Ulisses Damas Couto, para saber se no município havia alguma reclamação dos consumidores sobre as cobranças indevidas feitas pela empresa.

De acordo com Ulisses Damas, essa situação de cobrança indevida no cartão está no geral. Mas, segundo ele, em Divinópolis não houve ainda reclamações dos consumidores em relação a loja Magazine Luiza. Ele afirmou que existem muitas reclamações desse tipo, mas envolvendo outras empresas. “Temos muitos casos de contratação indevida de seguros, de assistências. Os casos mais comuns são de seguro na compra do varejo (não em cartão de crédito, mas sim no ato da compra). Temos casos de contratação indevida de serviços de produtos sem solicitação do consumidor em conta corrente, principalmente seguros para aposentados, principalmente para quem já tem empréstimo consignado. Tem acontecido excesso de contratação de seguros, de assistências de entidades, que supostamente de proteção aos idosos e contratando vários tipos de seguros. Além disso, existe cobranças indevidas em serviços de telefonias, dentre outros”, relatou. Acompanhe abaixo a entrevista completa com o gerente do Procon de Divinópolis, Ulisses Damas Couto, com as demandas que chegam até o Procon e recomendações aos consumidores:

 

Quem também comentou sobre o assunto foi o advogado Dr. José Maria. Segundo ele, toda vez que o consumidor se sentir lesado e tem provas suficientes, ele deve entrar no Juizado Especial pedindo a devolução daquele valor cobrado de forma indevida. O advogado também comentou sobre a ação do Ministério Público contra a empresa Magazine Luiza. Ouça abaixo a entrevista completa com Dr. José Maria:

 

 

Posicionamento da Empresa Magazine Luiza

A reportagem entrou em contato com a empresa Magazine Luiza, mas até o fechamento dessa edição a empresa não havia se posicionado.

Relembre o caso:

Magazine Luiza foi condenada administrativamente a pagar uma multa de R$ 10.551.786,92 por cobrança indevida

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!