Publicidade

Prefeitura se reúne com responsáveis pela obra para traçar medidas a curto prazo

Postado em 03/02/2020 17:46

E depois da queda do muro em uma construção no centro da cidade, membros da empreiteira, da prefeitura e familiares de entes sepultados do cemitério da paz se reuniram hoje no centro administrativo para saber qual medida será tomada num curto prazo, mas para que haja algum trabalho, é preciso esperar a estabilidade do solo. O município deu duas alternativas, levar os restos mortais para o cemitério parque da colina ou sepultar em outro túmulo.

A reunião foi a portas fechadas no centro administrativo da prefeitura. Participaram familiares de quem está sepultado no cemitério da paz, responsáveis pela obra e membros da prefeitura.

O muro caiu na noite de sexta-feira. Essa câmera de monitoramento registrou a queda. Mais de 30 jazigos vieram chão abaixo. De acordo com a prefeitura, a obra foi embargada um dia antes da queda. O cemitério foi totalmente isolado nesta segunda-feira. Uma pista da Avenida Paraná também foi interditada. Em uma placa fixada na obra, diz que o empreendimento está protegido com seguro de riscos de engenharia. Na reunião da prefeitura, os advogados da construtora foram embora sem falar com a imprensa.

A prefeitura de Divinópolis apresentou durante a reunião, duas possibilidades. A daqueles familiares que possuam túmulos em outros cemitérios levarem os restos mortais ou sepultar os restos mortais no cemitério parque da colina.

Ainda de acordo com o município, um drone fará o sobrevôo do cemitério para identificação dos túmulos. Quanto aos corpos, um trabalho pericial junto à polícia civil pode ajudar.

No dia do incidente, o prefeito de Divinópolis, Galileu Machado esteve no cemitério. Em participação no programa bom dia Divinópolis, o prefeito comentou sobre possíveis sanções à empreiteira serra dourada empreendimentos. As famílias que participaram da reunião ainda esperam por uma resposta definitiva.

A obra é assegurada e no incidente do ano passado ele foi acionado, a empresa responsável pelo seguro agora aguarda analise pericial para saber se o ocorrido terá a cobertura.

Veja também
Publicidade
Noticias relevantes:
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!