Publicidade

Prefeitura reconhece o aumento de circulação de pessoas na área central de Divinópolis

Postado em 06/04/2020 16:12

Por meio de nota a prefeitura de Divinópolis reconheceu o dia atípico em relação ao isolamento social. Em alguns determinados horários, houve aumento no número de pessoas circulando na área central, com destaque para as proximidades das agências bancárias.

Sabidamente, todos os meses, no quinto dia útil, registra-se um acréscimo significativo no movimento nos bancos. Além de ser a data na qual a maioria das empresas e instituições libera o pagamento dos salários, é também nesse período inicial do mês que vence boa parte das contas da população. Acresça-se a isso o efeito cascata de que, ao receber o salário, muitos providenciam as compras mensais de alimentos.

Porém, é importante salientar que tal atitude, se tomada em desacordo com as regras de saúde pública para a circulação, pode colocar em risco todos os resultados até obtidos no controle da Covid-19.

Os números que se apresentam são resultado, justamente, do rígido controle no contato entre as pessoas, o que fez diminuir os contágios.

Segundo a prefeitura os agentes de saúde e as forças de segurança estão monitorando as ruas. Em caso de descumprimento, os responsáveis poderão ser punidos com a cassação do alvará e fechamento do estabelecimento, além de responder criminalmente, de acordo com o artigo 268 do Código Penal.  A legislação especial em vigor dá a alguns segmentos essenciais o direito de funcionar, mas dentro de critérios técnicos que garantam a saúde da nossa população.  

O Brasil vive um momento delicado, no qual qualquer afrouxamento pode colocar a perder as ações que, até aqui, significaram salvar vidas de muitas pessoas próximas de nós.

Por isso, é bom ficar atento. Quem ainda precisar utilizar o sistema bancário deve saber que as agências são obrigadas a manter o rigor na organização das filas, distanciamento entre pessoas e oferecer produtos para assepsia. Trata-se de um direito seu, cidadão, exigir isso. No caso de dúvidas ou mesmo de denúncia, é só acionar a fiscalização em Saúde.

Mas não adianta só cobrar. Cada um de nós deve também fazer a sua parte. No caminho de nossas casas até as agências bancárias ou o comércio autorizado a funcionar, é preciso manter os cuidados básicos, como evitar aglomerações, cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar e não tocar no rosto.  Ao chegar em casa, mantenha as regras de higiene básica, lavando as mãos e os alimentos, sempre.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!