Petição online questiona afastamento de Andreia Dimas e permanência de demais secretários - Portal MPA

Publicidade

Petição online questiona afastamento de Andreia Dimas e permanência de demais secretários

Postado em 17/05/2022 19:26
Publicidade

Ou afasta todo mundo ou não afasta ninguém. Assim começa a petição online que questiona afastamento da ex-secretária de Educação Andreia Dimas.  

A petição contava com 449 assinaturas até a publicação desta matéria e pede o retorno da servidora de carreira para o cargo com a revogação do decreto que a afastou.

O pedido é para que ela retorne ao cargo até a conclusão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), já que não houve nenhum outro afastamento e nem mesmo solicitação de algum órgão para que fosse feito.

“Desde o início da CPI, a secretária municipal de educação tem sido usada como manobra política. Seu afastamento não foi solicitado pela comissão da Câmara, e sim indicado pelo senhor prefeito. Por que todos os envolvidos não foram afastados? Secretária de governo, secretário de fazenda, secretário de administração, procurador e controlador, assinaram, junto à secretária, todas as aquisições feitas. Ou afasta todo mundo, ou não afasta ninguém”, consta na apresentação da petição mobilizado por parte da categoria da educação.

Embora os secretários mencionados (Thiago Nunes, Gabriel Vivas e Janete Aparecida) estejam relacionados para serem ouvidos pela CPI, o prefeito Gleidson Azevedo (PSC) decidiu afastar apenas a Andréia. As secretarias deles também são apontadas como atuantes no processo de compras.

“Por supostos equívocos no processo de compra e antes mesmo do final da CPI, a mídia e o jogo de interesses políticos, tem usado a secretária municipal de educação como “bode expiatório”, “boi de piranha”, e palanque para pré-candidatos inescrupulosos”, segue dizendo na apresentação da petição.

Veja a petição:

https://peticaopublica.com.br/?pi=BR124752

Publicidade