Publicidade

Índices do Minas Consciente mantêm Divinópolis na Onda Verde

Postado em 29/10/2020 15:39

A Prefeitura de Divinópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), divulgou nesta quinta-feira (29/10), os dados epidemiológicos do plano Minas Consciente, do Governo de Minas. Segundo o relatório, a microrregião de Divinópolis teve sua pontuação reduzida de 13 para 11 pontos, se mantendo na Onda Verde do programa.

A Onda Verde permite a ampliação da flexibilização de atividades econômicas anteriormente interrompidas pela pandemia, como a realização de festas e eventos e o funcionamento de escolas particulares, desde que obedeçam aos protocolos.

Dados epidemiológicos

A cada semana, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) monitora o quadro do coronavírus em Divinópolis. A última atualização dos dados epidemiológicos ocorreu na última segunda-feira (26/10). A taxa de incidência, que corresponde ao número de casos novos da doença dividido pela população em risco é de 62, nível considerado médio. A porcentagem de casos confirmados em relação ao número de pessoas testadas é de 22%, número considerado alto.

Em relação a capacidade hospitalar, os dados apontam que 21% dos adultos internados na UTI são pacientes com suspeita de Covid-19. A taxa de ocupação de UTI no setor adulto é de 51%. Os indicadores de avanço do coronavírus apontam que o número de casos confirmados diminuiu 18% em relação à semana anterior. A variação da taxa de incidência de Covid-19 subiu 47% nos últimos sete dias.

Medidas de segurança

A Prefeitura de Divinópolis ressalta que as medidas de segurança como o uso de obrigatório de máscaras, o distanciamento social, a higienização constante e o cumprimento dos horários de funcionamento de cada atividade econômica devem ser respeitados. O descumprimento das medidas de segurança acarreta em multa, interdição do estabelecimento e cassação do alvará.

Para denunciar irregularidades em relação as normas de segurança, o cidadão poderá abrir chamado pelo AppDivinópolis, selecionando a aba “Coronavírus”. O aplicativo é gratuito e está disponível nas lojas de aplicativos para celular.

 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!