Publicidade

Carmo do Cajuru intensifica ações contra o Aedes aegypti

Postado em 01/04/2019 16:08

O município de Carmo do Cajuru tem intensificado ações contra a dengue depois do último levantamento feito pela Vigilância em Saúde, que identificou um alto número de casos notificados de dengue, indicando uma possível epidemia no município.

Só neste ano, já foram notificados 29 casos, sendo que em todo ano de 2018 foram registradas 14 notificações e 3 casos confirmados. Neste ano já são 9 confirmações, 12 casos investigados e oito negativos. A avaliação deste ano engloba o período de janeiro a 19 de março. Já os casos de 2018 dizem respeito aos 12 meses.

diretora da Vigilância em Saúde reforça a importância dos hábitos comumente divulgados para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, que além da dengue, também transmite zika e chikungunya.

Ações de combate

Como ação que visa intensificar o combate, a Vigilância em Saúde tem realizado diariamente o trabalho de vistorias nos imóveis, onde a equipe atua com eliminação de possíveis focos, bem como limpeza de recipientes que podem acumular água. A atuação preventiva dos agentes de combate a endemias também é fundamental, pois é através da orientação que os moradores se transformam em verdadeiros aliados no combate ao mosquito. “A conscientização por meio da orientação é fundamental, pois mesmo com as visitas que ocorrem com frequência, quem precisa manter os quintais e casas limpas longe de focos da dengue, são os próprios moradores, então repassamos as orientações e passamos a tê-los como aliados ao combate à dengue”, disse a diretora da Vigilância em Saúde, Juliana Paula.

Medidas preventivas

Como medidas que previnem a dengue, dentre outros aspectos, o município de Carmo do Cajuru adotou ações que tiveram início no último mês, que vão contribuir para um combate coletivo contra o mosquito. A primeira ação foi a notificação dos proprietários de lotes sujos e com entulhos, que devem fazer a limpeza dos imóveis num prazo de 30 dias, a contar da publicação do edital, realizada no dia 26 de março.

Outra medida foi o lançamento da operação “Bota-Fora” que estimula moradores a colocarem para fora de suas casas, entulhos, podas de árvores, eletrodomésticos inutilizados, latas velhas e tudo que o morador quiser descartar. Os moradores devem fazer o “bota-fora” sempre aos finais de semana, sendo que um caminhão da Prefeitura passará sempre na segunda-feira para recolher os materiais. A ação teve início neste fim de semana, no Residencial São Francisco. O próximo bairro que deve realizar o bota-fora nos dias 5,6,7 é o Bairro Alvorada. “As duas ações precisam ser realizadas coletivamente integrando população e administração pública. Elas vão garantir uma cidade mais limpa, sustentável e segura”, destacou o prefeito, Edson Vilela.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!